segunda-feira, 6 de maio de 2013

Chegou a hora de escolher o próximo destino: México, Guatemala e uma passadinha em Belize


Um pouco menos de seis meses se passaram desde que voltei da minha última viagem e pouco menos de seis meses faltam para as minhas próximas férias. E isso significa que chegou a hora de escolher o próximo destino. Nessas últimas semanas (ou últimos meses) tenho pensado bastante nessa próxima aventura. As sugestões enviadas através da enquete do Cruzando Fronteiras ou pelos e-mails que recebi ou ainda pelas conversas que tive me ajudaram bastante, mas algumas vezes criaram ainda mais dúvidas sobre onde ir dessa vez!

Mas nesse último fim de semana finalmente tomei coragem e comprei as passagens aéreas. A partir de agora não se pode mais mudar de ideia, e não há mais como trocar de destino! A próxima viagem está selada, e dessa vez vou para a América Latina, retornando ao continente das minhas primeiras viagens, que me deixaram ótimas lembranças.  Mas dessa vez me dirijo um pouco mais ao norte, mais especificamente para o México e para a Guatemala, com direito a uma passada rápida por Belize, para aproveitar por uns dois dias umas das suas ilhas.

Como ainda estou começando a planejar a viagem, não tenho um roteiro fechado (afinal, ainda faltam quase seis meses até a data de partida). Mas já sei algumas atrações que não quero perder, de forma alguma. Se tudo ocorrer conforme planejado, devo chegar ao México no dia 31 de outubro, a tempo de pegar um curto voo para Oaxaca e aproveitar o Dia de lós Muertos num dos melhores destinos para essa tradicional festa mexicana. Quero também aproveitar uma das noites na Cidade do México para assistir a um espetáculo de lucha libre, e uma das noites em Guadalajara para assistir aos famosos Mariachis. E é a partir dessa cidade que planejo fazer um tour pela cidade de Tequila, conhecer mais sobre o processo de fabricação dessa bebida – e beber muito também! E numa tarde de domingo, espero vibrar na Plaza de Toros, apesar de algumas dúvidas éticas quanto esse tipo de espetáculo. Quero visitar as cidades coloniais de San Cristóbal de las Casas e também de Mérida, de onde devo partir para conhecer as famosas ruínas de Chichen Itza. E isso, é claro, sem deixar de lado alguns dias em Playa Del Carmen, porque ninguém é de ferro, né!

Na Guatemala, meu plano é visitar o Lago de Atitlan e aproveitar um domingo para conhecer a famosa feira indígena de Chichicastenango. E, sem dúvida, passar alguns dias relaxando na cidade histórica de Antigua, onde pretendo escalar um dos vulcões da região. Partindo de Antigua, um ônibus noturno ou um rápido trecho aéreo me leva para Flores, base para conhecer as famosas ruínas de Tikal, uma das maiores obras arquitetônicas dos Maias, e uma das principais atrações turísticas do país. E é partir de Flores que devo seguir por terra até a cidade de Belize, onde um barco me levará até Caye Calker, uma pequena ilha caribenha e uma das principais atrações de Belize.

Acho que essa viagem promete ser uma das melhores que já fiz. Mas agora começa a parte trabalhosa (mas muito divertida). Ler muito sobre cada lugar, pesquisar, planejar, decidir e montar um roteiro completo, mas equilibrado, que me permita conhecer ao máximo cada lugar, mas sem que a viagem se torne corrida ou muito cansativa. Tenho trinta dias para preencher, e espero fazê-lo da melhor forma possível. Hoje começa a minha próxima aventura. E já estava na hora!


Nenhum comentário:

Postar um comentário