sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Perguntas e Respostas: Planejando uma viagem ao Marrocos


Sempre recebo e-mails e mensagens de pessoas com dúvidas sobre viagens. São perguntas sobre roteiros, atrações, hospedagem, dinheiro, passagens aéreas, etc. Então, resolvi criar uma seção de perguntas e respostas, que postarei aqui no Cruzando Fronteiras sempre que houver alguma pergunta interessante e que eu ache que possa ser útil para os demais leitores. Portanto, se você tiver alguma dúvida ou quiser uma ajuda no planejamento de sua viagem, é só entrar em contato. Se puder, adorarei ajudar! E quem sabe sua pergunta não aparece aqui no Blog. Vamos à pergunta do dia!

Estou pensando seriamente em ir para o Marrocos em dezembro, mas tenho umas dúvidas. Já li que rola uma integração eficiente entre as principais cidades do Norte do Marrocos por trem. É verdade mesmo? Casablanca, Meknes, Marrakesh, Fès, Rabat, Ouarzazate e camelo no deserto estariam incluídos no meu roteiro, a princípio. Pretendo ficar 10 dias no Marrocos e finalizar com 05 dias em Barcelona. Quantos dias por cidade marroquina você acharia razoável? O transporte entre elas é tranqüilo? Lá existem pacotes turísticos acessíveis que façam os traslados entre essas cidades (já pesquisei por alto e vi que tem, mas são caros, na casa de mil dólares)? Como você se virou lá? Obrigado desde já pela consultoria! Marcelo.

Fala Marcelo, tudo bem? As cidades de Casablanca, Meknes, Marrakesh, Fez e Rabat são interligadas por trens, além de possuírem muitas opções de ônibus intermunicipais (para maiores informações visite os sites da Supratours e da CTM, as companhias de trem e ônibus do Marrocos). Então, acho que o transporte não será problema para esses destinos. Ouarzazate e o deserto, por outro lado, são um pouco mais difíceis de chegar, mas nada tão complicado.  De qualquer forma, o que mais me preocupa nos seus planos não é a questão do transporte, afinal é possível usar os ônibus locais nessas duas cidades ou até menos alugar um carro, que foi o que eu fiz.

Eu penso que dez dias talvez seja muito pouco para se conhecer tantas cidades. Afinal, só Marrakesh poderia tomar uns três dias do seu roteiro, e Fez pelo menos outros dois. Meknes é outra cidade bem legal, e que merece um dia de visita. Para evitar muitos deslocamentos, com malas, mudanças de hotéis, etc., você pode conhecer Meknes a partir de Fez, em um day-trip. Caso opte por essa alternativa, reserve três dias para Fez (sendo um deles gasto em Meknes). Outro day-trip bem legal a partir de Fez é uma visita às ruínas de Vollubilis, a maior e mais bem preservada cidade romana fora da Europa (e aí seria mais um dia...).

Casablanca e Rabat não são cidades com muitos atrativos turísticos, e talvez seja melhor tirá-las do seu roteiro, já que você não tem muito tempo à disposição. Caso o sue vôo chegue ou parte por Casablanca, você pode aproveitar e visitar a Mesquita de Casablanca, que é grandiosa e bonita. Mas meio dia na cidade é o suficiente para você visitar a Mesquita e seguir em frente.

Ouarzazate é uma cidade bem interessante e peculiar, e merece uma visita, principalmente para se conhecer Ait-Benhaddou, um patrimônio da humanidade incrível. Eu cheguei por lá vindo de carro a partir de Marrakesh, em uma viagem de aproximadamente cinco horas. Mas também é possível fazer esse percurso de ônibus (veja horários e preços no site da CTM).

Você pode conhecer o deserto marroquino em Merzouga (acessível em um ônibus noturno a partir de Fez ou então em uma longa viagem de ônibus desde Marrakesh, veja o site da Supratours) ou então em Zagora (ops, eu tinha me confundido e escrito Erfoud!), que fica mais próximo de Ouarzazate. A partir de Ouarzazate, você pode contratar tours que partem para o deserto e passam uma ou mais noites nas dunas. Eu optei por conhecer o nordeste em Merzouga, mas como estava de carro, parti de Marrakesh, fui até Ouarzazate e depois segui visitando a região de Dades Gorge, Todra Gorge até chegar a Merzouga. Mas minha viagem durou 17 dias no total.

Como você não deverá alugar um carro, você então pode optar por partir de Fez até Merzouga em um ônibus noturno e depois retornar à Fez para continuar a viagem. Ou então ir até Ouarzazate de ônibus a partir de Marrakesh e visitar o deserto por lá, em um tour. Tirando essa segunda opção, não acredito que haja necessidade de você contratar um tour durante o seu passeio pelo Marrocos. Todos os outros trechos podem ser feitos por conta própria, inclusive a ida até Merzouga e o passeio ao deserto por lá.


7 comentários:

  1. Niquet, tudo bem?

    Vi no mapa que Erfoud e Merzouga são bem próximas entre si. Pretento alugar um carro em Marrakesh e ir até Ouarzazate. Você acha melhor de lá seguir para uma dessas 2 cidades? Qual você acha melhor (com mais infra) para visitar o deserto? E quanto tempo mais ou menos vou levar?

    De uma dessas cidades, você acha que vale seguir de carro mesmo para Fez ou voltar para Marrakesh e pegar um trem para Fez?

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leo, muito obrigado pelo seu comentário! Serviu para eu notar um erro no meu post (e um erro bem importante!). Na verdade, a outra opção para se conhecer o deserto é a cidade de Zagora, que fica próximo a Ouarzazate (apenas algumas horas de carro). Erfoud fica bem próximo de Merzouga, e é só uma cidade no caminho, onde passei com o carro!

      Mas se você tiver que optar, eu acho que Merzouga é ainda um pouco melhor do que Zagora para se conhecer o deserto, porque em Merzouga as dunas ficam bem coladas na "cidade" (na verdade é uma pequena vila), o que cria um visual incrível. As dunas de Zagora são um pouco mais distantes do povoado. Mas, em alguns casos, para que não tem muito tempo, uma ida à Zagora pode ser mais prática e fácil...

      Excluir
  2. Olá Luiz, mas vc acha seguro um casal pegar estes trens ou onibus entre as cidades ou alugar um carro?

    ResponderExcluir
  3. O Luiz por favor nos ajude. Eu e meu marido estamos programando uma viagem da Espanha para Marrocos. Nos informe o que priorizar no passeio, quantos dias e quais a cidades para passear.Meu e-mail: cfurtadoster@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ivany, tudo bem? O Marrocos é um país incrível, cheio de atrações e de lugares que merecem uma visita. Eu passei 17 dias viajando por lá, e achei que foi o suficiente para fazer um roteiro legal e bem completo, apesar de ter deixado de lado algumas cidades interessantes, já que nunca é possível conhecer tudo o que um país tem para oferecer. Mas o roteiro ideal dependo muito de quantos dias você tem disponível para viajar. Cinco dias, uma semana, duas, três? Para cada período é possível pensarmos num roteiro legal, que te permita conhecer o máximo sem ficar uma viagem muito corrida. Quantos dias vocês estão pensando em passar por lá? Em que época do ano vocês vão (isso influencia muito o roteiro também)? Marrakech é o ponto de partida ideal, e a principal atração do país. Fez, Meknes, Essaouira, Ouarzazate, e um passeio ao deserto, são os outros principais destinos que merecem destaque. Mas me diga mais um pouco sobre os seus planos, e podemos pensar num roteiro legal... Abraços e continue nos visitando, hein!

      Excluir
  4. Oi Luiz,
    Estou planejando ir ao Marrocos, no período de 13 a 22 de dezembro deste ano, sendo que tenho que está em marrakech nos dias 18/12 e 21/12, em função de compromissos, que roteiro vc me sugere?
    Grata,
    Lara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lara, tudo bem? Vai assistir o jogo do Galo no Mundial? Você é terceira pessoa que me escreve pedindo dicas para o Marrocos, no intervalo das datas dos jogos! Isso só nas últimas duas semanas! Pena que para eu ir assistir ao meu Vasco no Mundial, só com um milagre mesmo! hehehehe

      Me diga em que cidade você chega e por qual cidade você retorna, e também o horário dos vôos e dos jogos... Assim podemos pensar num roteiro legal para esses cinco dias que você têm antes dos jogos... Você pode visitar Fez e o deserto, ou então ir até Essaouira ou Ouarzazate... Mas com mais informações, posso te passar dicas com mais detalhes...

      Se quiser, me escreva por aqui, ou então por e-mail. Como você preferir!

      Abraços!

      Luiz

      Excluir