quarta-feira, 7 de março de 2012

Perguntas e Respostas: Mais dicas para o Kruger


Sempre recebo e-mails e mensagens de pessoas com dúvidas sobre viagens. São perguntas sobre roteiros, atrações, hospedagem, dinheiro, passagens aéreas, etc. Então, resolvi criar uma seção de perguntas e respostas, que postarei aqui no Cruzando Fronteiras sempre que houver alguma pergunta interessante e que eu ache que possa ser útil para os demais leitores. Portanto, se você tiver alguma dúvida ou quiser uma ajuda no planejamento de sua viagem, é só entrar em contato. Se puder, adorarei ajudar! E quem sabe sua pergunta não aparece aqui no Blog. Vamos à pergunta do dia!

Olá! Estou planejando uma viagem de sete a nove dias para o Parque Kruger agora na primeira semana de maio. Estou pesquisando as passagens e faço as consultas no Submarino Viagens. Teria outro lugar melhor para pesquisar? Quais as companhias fazem esse trajeto? Vou sair de Porto Alegre. Sabe me indicar a melhor forma de chegar até lá, seria num vôo direto para Johanesburgo? Você comentou que existe a possibilidade de fazer vôos locais de Johanesburgo ao Kruger. Inicialmente, pretendo fazer o trajeto de carro, mas você poderia comentar sobre eles? Após o horário que o parque "fecha", ele fecha mesmo ou eu ainda consigo entrar para me instalar? Quanto à alimentação, quais os custos? Devo levar algum alimento na mochila? Também gostaria de saber algo com relação ao visto e vacinas. Abraços.

Em relação à passagem aérea, eu comprei a minha no site Decolar.com, mas você pode olhar diretamente no site da companhia aérea. No caso, o melhor vôo geralmente é com a South African Airlines, que tem vôos diretos para Johanesburgo, a partir de São Paulo...

A partir de Johanesburgo, acho que o mais fácil é você dirigir até o parque. O caminho é tranqüilo e não é muito longo. Dependendo dos seus planos (e do horário de chegada do seu vôo) você pode pegar o carro no aeroporto e dirigir direto para o parque. Ou então, fique um ou dois dias em Johanesburgo e depois parta bem cedo para o parque, chegando lá no meio da tarde.

Existem sim vôos até o aeroporto de Nelspruit, bem próximo de uma das entradas do parque. Mas, considerando que você estará chegando por Johanesburgo e tem um tempo razoável a sua disposição, acho que vale mais a pena dirigir. É mais barato e você ainda conhece um pouco da região entre Johanesburgo e o parque, que é bem bonita.

Geralmente os portões fecham por volta de cinco da tarde (mas é muito importante você conferir os horários exatos no site oficial do Kruger). É sim possível você pedir uma permissão especial para chegar após esse horário. Mas você terá que pagar uma taxa extra e agendar a sua chegada com antecipação. Se fizer isso, um guia escoltará você até o campo, onde você passará a noite. Esse procedimento só está disponível para alguns portões e campos específicos. Mas, se te interessar, veja mais informações no site do parque.

Nos campos, existem restaurantes e supermercados. Os preços são um pouco caros, mas para quem não quiser cozinhar, é uma boa alternativa. Os campos possuem fogão para quem quiser cozinhar, mas você terá que levar os seus utensílios! Mas vale a pena levar pelo menos alguns biscoitos, iogurtes, etc., para matar a fome durante os safáris. 

Sobre vistos, eles não são necessários para visitar a África do Sul. Mas você terá que se vacinar contra a febre amarela - e levar o certificado internacional de vacinação.

Qualquer outra pergunta, é só escrever! Abraços!

Nenhum comentário:

Postar um comentário