quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Dica de Leitura IX – O Anjo Branco

No aeroporto de Lisboa, retornando de minha viagem à Portugal e Marrocos, deparei com um livro que me chamou a atenção. Era um volume grande, de mais de 500 páginas, com uma bela capa e um título atrativo. A sinopse logo me interessou e resolvi comprá-lo. Mas, devido ao grande número de livros que aguardavam pacientemente a sua vez, passaram-se mais de seis meses até que pude iniciar esta leitura. Ontem, aproveitando o feriado, resgatei o livro perdido na estante. E, nas suas primeiras páginas e capítulos, o livro não me decepcionou. Então, trago aqui mais uma sugestão de leitura. Espero que gostem.

Escrito pelo jornalista português José Rodrigues dos Santos e lançado em 23 de outubro de 2010, esta obra foi um grande sucesso de vendas. Transcrevo abaixo a sinopse, que em uma primeira leitura, me fez adquirir a obra.

“A vida de José Branco mudou no dia em que entrou naquela aldeia perdida no coração de África e se deparou com o terrível segredo. O médico tinha ido viver na década de 1960 em Moçambique, onde, confrontado com inúmeros problemas sanitários, teve uma idéia revolucionária: criar o Serviço Médico Aéreo. 

No seu pequeno avião, José cruza diariamente um vasto território para levar ajuda aos recantos mais longínquos da província. O seu trabalho depressa atrai as atenções e o médico que chega do céu vestido de branco transforma-se numa lenda no mato. 

Chamam-lhe o Anjo Branco. Mas a guerra colonial rebenta e um dia, no decurso de mais uma missão sanitária, José cruza-se com aquele que se vai tornar o mais aterrador segredo de Portugal no Ultramar. 

Inspirado em fatos reais e desfilando uma galeria de personagens digna de uma grande produção, O Anjo Branco afirma-se como o mais pujante romance jamais publicado sobre a Guerra Colonial - e, acima de tudo, sobre os últimos anos da presença portuguesa em África.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário