quinta-feira, 21 de julho de 2011

Perguntas e Respostas: Entrando na Europa apenas com o cartão de crédito

Sempre recebo e-mails e mensagens de pessoas com dúvidas sobre viagens. São perguntas sobre roteiros, atrações, hospedagem, dinheiro, passagens aéreas, etc. Então, resolvi criar uma seção de perguntas e respostas, que postarei aqui no Cruzando Fronteiras sempre que houver alguma pergunta interessante e que eu ache que possa ser útil para os demais leitores. Portanto, se você tiver alguma dúvida ou quiser uma ajuda no planejamento de sua viagem, é só entrar em contato. Se puder, adorarei ajudar! E quem sabe sua pergunta não aparece aqui no Blog. Vamos à pergunta do dia!

Olá, Luiz! Irei pra Irlanda a passeio e para um curso de inglês em breve e quero utilizar prioritariamente o saque no débito. Minha dúvida é em relação à imigração... Tenho medo de me barrarem por estar com pouco dinheiro em espécie. Será que é arriscado?

Olá! Este ano eu estivo em Portugal e também viajei basicamente na dependência do cartão de débito e crédito. Levei uma pequena quantidade em espécie, mas apenas o suficiente para alguma emergência (aproximadamente 300 dólares). Durante os procedimentos de imigração na chegada à Europa, me fizerem algumas perguntas, mas nenhuma referente a dinheiro, ou euros em espécie.

Eu não sei se você vai apenas como turista, ou se teve que obter o visto para estudantes (caso a sua estadia seja maior do que noventa dias).  Pelo que pesquisei, se você for passar mais do que 90 dias no país, deve levar uma comprovação de depósito no montante de 3.000 euros em conta corrente de um banco irlandês. Essa é uma exigência nova, que entrou em vigor em 2011. Caso essa seja sua situação, seria melhor você se informar com mais detalhes, inclusive com a empresa responsável pelo seu curso de inglês.

Mas se for apenas como turista, para um período menor do que noventa dias, acho que os procedimentos seriam semelhantes aos demais países da Europa que adotam o Tratado de Schengen (a Irlanda não está entre os países que assinaram tal tratado, mas adota medidas semelhantes em relação às formalidades de entrada no país).

Nos links abaixo, têm um FAQ muito interessante sobre o Tratado Schengen e as suas exigências, e outras informações. Vale a pena dar uma olhada! De acordo com esses dados, a comprovação de renda pode sim ser feita por meio de cartão de crédito ou débito, então acho que você não terá problema. Existem algumas pessoas que levam uma fatura de cartão de crédito recente para comprovação do limite, ou mesmo uma cópia de extrato bancário. Você pode também fazer isso, mas apenas apresente a documentação se ela for solicitada, para não se explicar demais e levantar suspeitas!




Acho que o importante é manter a calma, falar pouco e só mostrar os documentos que eles pedem! E leve um pouco de dinheiro vivo, só para garantir... Qualquer outra dúvida, é só perguntar! Boa viagem!


Nenhum comentário:

Postar um comentário