segunda-feira, 18 de julho de 2011

Perguntas e Respostas: 19 dias no Marrocos, em agosto. Viajando no Ramadan.

Sempre recebo e-mails e mensagens de pessoas com dúvidas sobre viagens. São perguntas sobre roteiros, atrações, hospedagem, dinheiro, passagens aéreas, etc. Então, resolvi criar uma seção de perguntas e respostas, que postarei aqui no Cruzando Fronteiras sempre que houver alguma pergunta interessante e que eu ache que possa ser útil para os demais leitores. Portanto, se você tiver alguma dúvida ou quiser uma ajuda no planejamento de sua viagem, é só entrar em contato. Se puder, adorarei ajudar! E quem sabe sua pergunta não aparece aqui no Blog. Vamos à pergunta do dia!

Oi Luiz, tudo bem? Meu nome é Marcio e também moro no Rio de janeiro. Seguinte: estarei em agosto no Marrocos (de 10 a 29) e gostaria de saber se você poderia me dar uma boa dica de roteiro, hospedagens e passeios. Sou fissurado naquelas paisagens desérticas, tipo oasis, dunas, costumes locais, etc. Não poderei alugar carro pois minha CNH venceu! Aguardo teu retorno.

Oi Márcio, tudo certo? Com 19 dias para conhecer o país, você poderá visitar os principais destinos e regiões do Marrocos e fazer um roteiro bem legal, e sem pressa! O único problema é que o mês de agosto não é, a princípio, um mês muito bom para visitar a região, principalmente devido ao calor. E também é nesse mês que ocorre o Ramadan, mês sagrado islâmico (em 2011, o Ramadan será entre os dias 1 e 29 de agosto).

Viajar no Ramadan requer alguns cuidados e algumas adaptações, mas pode ser também uma experiência cultural única. É importante respeitar as pessoas ao seu redor, por exemplo, não comendo em público ao longo do dia. Mas como o Marrocos é um local muito turístico, e depende desse turismo para sobreviver economicamente, você ainda encontrará alguns restaurantes abertos ao longo do dia, principalmente em Marraquexe ou em outras cidades onde o turismo é mais presente. Pelo lado positivo, dizem que a Praça Djemaa El-Fna fica ainda mais incrível após o pôr-do-sol no período sagrado, com todos saindo às ruas e comemorando. Certamente será uma experiência marcante!

Um problema um pouco maior será o calor do verão marroquino, em especial nas áreas desérticas e no sul do país.  Nas principais cidades, como Marraquexe, Fez, ou Meknes, fará muito calor, mas nada que muita água e alguma sombra durante o dia não ajude e uma noite no ar-condicionado não melhore!  O problema será menos nas regiões desérticas, como Merzouga ou Zagora. O calor nessas áreas pode ser absurdo, e tornar um passeio ao deserto uma aventura desagradável! Normalmente, o turismo nessas áreas praticamente desaparece em julho e agosto, que são consideradas épocas de baixa temporada.

Por outro lado, cidades costeiras, como Essaouira, vão estar bastante cheias, você poderá aproveitar as belas praias. Outros locais de temperatura mais amena, como Chefchaouen e Ifrane, também são boas pedidas para essa época do ano.

Como você vai estar sem carro, uma visita às Gargantas de Dades ou Todra ficará um pouco prejudicada, a não ser que você vá em um tour. A princípio, eu não gosto desses tours, porque acabam sendo muito corridos e muito mais caros do que um passeio por conta própria. Por outro lado, uma visita às dunas de Merzouga e uma noite no deserto são perfeitamente possíveis sem um carro, já que há um ônibus direto entre Fez e Merzouga.  De lá, os proprietários dos Riads te buscam na parada final do ônibus e te levam à sua hospedagem, de onde saem também as caravanas rumo ao deserto.

Mas, com 19 dias, você poderá fazer um roteiro semelhante a esse:

  • Marraquexe (4 noites);
  • Essaouira (1 ou 2 noites) – ônibus desde Marraquexe, aprox. 3horas;
  • Ouarzazate (1 ou 2 noites, se você for por conta própria) – ônibus, aprox. 5 horas, ou então contratar um tour em Marraquexe;
  • Meknes (2 ou 3 noites, incluindo um day-trip para Volubilis) – trem, desde Marraquexe;
  • Fez (3 noites) – trem, 1h de Meknes;
  • Merzouga (2 noites, incluindo uma noite no deserto) – ônibus noturno, desde Fez;
  • Chefchaouen (2 noites) – ônibus, aprox. 4 horas de Fez.

Considerando os deslocamentos (por exemplo, os ônibus noturnos entre Fez e Merzouga, e os trens), acho que esse roteiro acima pode ser uma boa base inicial para o seu planejamento.

A minha única preocupação é o calor no deserto. Não sei se isso inviabilizaria a noite nas dunas, o que seria uma pena. Mas vou pesquisar um pouco mais sobre isso.

Qualquer outra dúvida, é só perguntar. E, aos poucos, vamos montando um roteiro legal. Abraços!


3 comentários:

  1. Oi Luiz!

    Que bom q encontrei mais dicas sobre Marrocos!!! Embarco pra lá dia 17/12/11 e vou passar um mês entre Casablanca e Fez! Vc tem mais dicas pra mim?
    Ah! Vou ter 7 horas de espera entre vôo e outro em Madrid... dá pra fazer alguma coisinha, né?

    Valeu mesmo, prazer em conhecer e até mais!
    Mileni
    milenemr@uol.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Niquet!

    Em primeiro lugar quero te parabenizar pelo seu Blog... Vc relata suas viagens de uma forma tão legal que dá vontade de ler e reler várias vezes... Parabéns!

    Bom, queria sua ajudinha tbm. Vou para o Marrocos em Dezembro 2013 para o Mundial de Clubes. Já até comprei as passagens vou chegar dia 15 de dez as 10hs e volto dia 24 dez (ida e volta marrakesh).

    Estou tentando fazer um roteiro, mas não está fácil, o problema é que os jogos são em Marrakesh nos dias 18 e 21, o que atrapalha um pouco na distribuição dos dias. Queria muito fazer o passeio no deserto e conhecer fez, os demais lugares não faço tanta questão.

    Vc tem alguma ideia de roteiro legal diante desses pre-requisitos..

    Obrigada pela ajuda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kamila, tudo bem?

      Antes de qualquer outra coisa, peço desculpas pela demora em te responder. Mas nessas últimas semanas antes muito ocupado, já que estou fechandoa compra de um imóvel e preparando minha mudança e você sabe como isso é uma loucura e uma confusão, né? Acabei ficando sem tempo de atualizar o blog e responder aos e-mails! Só espero que minha resposta não tenha chegado tarde demais!

      Ah, e parabéns pela sua viagem, hein! Visitar o Marrocos e ainda assistir ao Mundial de Clubes com certeza vai ser uma viagem inesquecível! Pena que para eu assistir ao Vasco no Mundial de Clubes, só com um milagre mesmo! hehehehe

      Em relação ao roteiro, realmente não é muito fácil organizar tudo porque as datas dos jogos atrapalham bastante, principalmente em relação à Fez, que fica um pouco longe de Marrakesh. Você só teria 3 dias antes do jogo e 2 ou 3 dias após o jogo para passear. Além de uns dias livres no meio, de intervalo.

      Você poderia tentar ir direto para Fez, assim que chegar em Marrakesh, ainda no dia 15 (de avião seria mais rápido, de trem, mais barato). E ficar lá o restante do dia 15, o dia 16 inteiro e o dia 17, retornando de avião ao final do dia 17.

      Ficaria em Marrakesh nos dias de intervalo (18, 19, 20 21) e, logo depois, pegar um tour que partisse de Marrakesh até o deserto de Zagora / M'Hamid. Existem tours que partem de Marrakesh, vão em direção à Ouarzazate e chegam ao deserto próximo à Zagora e retornam à Marrakesh em 2 dias e uma noite. É um pouco corrido, mas pode ser uma opção. Dependendo da hora do seu vôo no dia 24, você pode retornar no dia 24 à Marrakesh, e fazer um tour com 3 dias e 2 noites (parte pela manhã do dia 22 e volta no fim do dia 24). Seria menos corrido e daria para aproveitar mais.

      O deserto e Ouarzazate são atrações realmente imperdíveis. Fez, eu acho um pouco parecido com Marrakesh, e talvez eu deixasse Fez para uma outra ocasião se eu só tivesse pouco tempo (poderia fazer um day-trip para Essaouria, ao invés de ir até Fez).

      Mas que horas serão as partidas? E o seu vôo de volta? Com esses dados a gente pode pensar num roteiro mais detalhado. Mas mesmo assim vai ficar um pouco corrido....

      Espero ter te ajudado um pouco e, qualquer outra coisa, é só escrever!!

      Abraços,

      Luiz

      Excluir